Como criar uma instalação mínima do Ubuntu 14.10

 

O Ubuntu, em seu intento de ser um sistema operacional completo e simples de ser utilizado pelo mais extenso universo de diferentes usuários, traz, em sua instalação básica, um conjunto completo de ferramentas, muitas das quais fatalmente não serão utilizadas por alguns de seus usuários.

O artigo a seguir tem o objetivo de oferecer um passo a passo para a instalação de uma versão econômica do sistema, e se baseia no tutorial de Alan Ward, publicado na edição 88 da Full Circle Magazine.
Há dois métodos para se chegar a uma instalação mínima do sistema: instalá-lo convencionalmente, por meio do LiveCD ou LiveUSB, e retirar os pacotes indesejados, ou realizar uma instalação mínima, a partir do Ubuntu Server, e adicionar apenas os pacotes desejados posteriormente.

Dos dois possíveis métodos, é mais simples partir de uma instalação mínima e adicionar os pacotes desejados, já que tais instalações posteriores são extremamente fáceis, seja utilizando a linha de comando, seja utilizando a interface gráfica da Central de Programas, do que instalar a versão completa do sistema e laboriosamente ir extraindo os pacotes que não serão utilizados, tarefa que, ainda por cima, pode resultar na quebra de algumas dependências (nada que não possa ser resolvido, no entanto).

Tendo decidido por método "de baixo para cima", é necessário fazer o download  da versão para servidor do Ubuntu, de sua página oficial, e gerar um pendrive USB, ou DVD, de instalação para, então, realizar o boot na máquina de destino a partir de tal mídia criada.

Nota: nos testes realizados para produzir este tutorial, não foi possível gerar um pendrive USB com o Ubuntu Server, nem com o Unetbootin, nem com o programa gerador de discos nativo do sistema. Duas máquinas de teste não conseguiram dar o boot por estes pendrives. Foi preciso recorrer ao Universal
USB Installer, que pode ser encontrado no link http://www.pendrivelinux.com/downloads/Universal-USB-Installer/Universal-USB-Installer-1.9.5.6.exe (sim, é para Windows, e roda via Wine).

 

Nota 2 - Atualização: Uma possibilidade é utilizar o gerador de pendrive de boot MultiSystem, que, ainda por cima, traz a possibilidade de se adicionar vários liveCDs, de diferentes distribuições, no mesmo pendrive. Este tutorial ensina como instalá-lo. 


Como não há interface gráfica no Ubuntu Server, não é possível testar o sistema a partir do disco, devendo-se, para os propósitos deste tutorial, partir diretamente para sua instalação.

Na primeira tela deve-se escolher a linguagem a ser utilizada durante o processo. Navegue à opção desejada utilizando as teclas de setas do teclado e pressione a tecla "enter". 


Primeira tela - seleção do idioma do instalador
Primeira tela - seleção do idioma do instalador