Como instalar o Plex Media Server

 
Introdução:

O Plex Media Server é um programa que oferece um ambiente para organizar seus vídeos, músicas e fotos de forma fácil e navegável, e distribui-los pela rede para visualização em outros computadores, TVs inteligentes, Chromecast e dispositivos móveis.

Apesar de proprietário, e de não trazer uma compilação especificamente para sistemas Linux rodando em
 
Raspberry PI,
é possível rodar o PLEX na segunda versão deste mini PC.


Requisitos:

O sistema Ubuntu-Mate para Raspberry PI está atualizado para a versão corrente do Ubuntu, sendo assim, sua versão do libc6 é a mais nova e o libexpat1 provavelmente já estará instalado. De todo modo, rode o seguinte comando no Terminal (Ctrl+Alt+T):

sudo apt-get install libexpat1


Já o mkvtoolnix, que pode ajudar a transcodificação, provavelmente não está instalado. Pelo sim, pelo não, rode:

sudo apt-get install mkvtoolnix

No entanto, se tiver configurado o Mate para rodar em português, pode ser necessário instalar os locales UTF-8 de língua inglesa. Rode o seguinte comando:


locale -a


Se o relatório de resposta não incluir o item abaixo

en_US.utf8

Vá em "Sistema / Preferências / Pessoal / Suporte a idiomas", pressione "Instalar/remover idiomas" e selecione "Inglês" para instalação.

Instalação:

Após instalado o idioma - demora um pouquinho - é hora de adicionar o repositório do Debian Jessie, onde se localiza o pacote do PLEX. Para tanto, é necessário adicionar o transporte https, para que a adição do repositório não retorne erro. Digite (o código a seguir é de uma linha apenas):


sudo apt-get update && sudo apt-get install apt-transport-https -y --force-yes 

 

 

Depois, baixe a chave pública correspondente (novamente: uma linha):

wget -O - https://dev2day.de/pms/dev2day-pms.gpg.key | sudo apt-key add -

...e rode o seguinte código (uma linha):


echo "deb https://dev2day.de/pms/ jessie main" | sudo tee /etc/apt/sources.list.d/pms.list


Agora, instale o PLEX:

sudo apt-get update


sudo apt-get install -t jessie plexmediaserver -y

Configuração:

Antes de iniciar o servidor pela primeira vez, vamos resolver um problema de autorização que impede o PLEX de acessar os HDDs externos. Para tanto, abra seu arquivo de configuração com o seguinte comando:

sudo pluma /etc/default/plexmediaserver

Localize a linha onde se lê:


PLEX_MEDIA_SERVER_USER = plex


...e substitua "plex" por seu nome de usuário. Salve o arquivo, feche o editor de texto e, agora sim, inicie o servidor: abra seu navegador-web e digite o seguinte endereço: "http://endereço.de.ip:32400/web", sem as aspas e substituindo "endereço.de.ip" pelo endereço de ip de sua conexão. Após o carregamento inicial, o PLEX ligará automaticamente a cada boot.


Por fim, para ajudar a transcodificação dos filmes, nas configurações do PLEX, clique em "Server" e, na lista da esquerda, em "Transcoder". Certifique-se de que "SHOW ADVANCED" está selecionado, role a tela e localize a entrada "Transcoder temporary directory" e insira o endereço de seu HD externo. Não use o endereço "/media/...", mas o endereço "/mnt/nome_do_hd".